Notícias / Artigos

NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS Empreendedor verde, a missão

fotos/y(94).jpg
Adotar princípios verdes pode tornar um empreendimento mais caro, mas é um caminho sem volta e repleto de boas oportunidades de lucros. Servem como prova os exemplos da reportagem a seguir
É possível empreender e faturar por meio de práticas ligadas à sustentabilidade. Como na maioria dos negócios, a iniciativa exige esforço, uma boa reserva financeira, paciência e, acima de tudo, criatividade. O mercado está de braços abertos para ideias verdes de preferência, inovadoras.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES EM COMUNICAÇÃO DA Age!
Acesse nosso Portfólio atualizado: Link


O primeiro passo é pesquisar, pensar e calcular. Olhar empreendimentos similares, identificar riscos, estipular metas, ver onde a sustentabilidade pode se encaixar. Um case de sucesso é a Acinplas, do uruguaio Gustavo Bazzano (acima), que produz madeira a partir da reciclagem de plástico.

Outro é a paranaense Solidarium, que ganha dinheiro por qualificar artesãos de pequenas comunidades e revender seus produtos a gigantes do varejo.

Criada em 2007, com seis funcionários, agora beneficia 1,6 mil artesãos e espera faturar R$ 1 milhão neste ano. Um dos fundadores da Solidarium e principal executivo da companhia, Tiago Dalvi, 26 anos, explica como pode ser feita a escolha do modelo de negócio.

– É preciso pensar na causa do problema antes de atacá-lo – ensina.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES EM COMUNICAÇÃO DA Age!
Acesse nosso Portfólio atualizado: Link


No exemplo próprio, ele notou a falta de um canal apto a fazer o marketing e a venda do artesanato. Na avaliação da Solidarium, os artesãos não sabiam como valorizar seu trabalho. A Solidarium, então, propôs o papel de intermediária. E decolou.

– Mas é preciso paciência. Levamos dois anos para engrenar – alerta Tiago. Ele e seus sócios venceram o prêmio Empreendedor Social 2011, concedido pela revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

Combater a pressa é um mantra referendado por João Paulo Altenfelder, sócio-diretor da SEI Consultoria, especializada em sustentabilidade. Investir pensando em lucro imediato é perigoso. A cartilha verde exige relações trabalhistas transparentes, impostos pagos em dia, o que encarece qualquer operação. E vale lembrar que o mercado de consumidores conscientes ainda tem muito a crescer.

– Não coloque todas as suas fichas no agora, pois você vai se frustrar. Procure equilibrar o curto e o longo prazo – aconselha Altenfelder, professor da Fundação Instituto de Administração (FIA) e da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Se o consumidor recém começa a gostar do produto verde, as grandes corporações avançam mais rápido. O valor agregado das práticas amigas do planeta pode abrir espaço como fornecedor de uma multinacional. Mas de nada adiantam parcerias se não houver eficiência, pondera Silneiton Favero, coordenador do Programa Sustentabilidade Global, do Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVces) da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da FGV.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES EM COMUNICAÇÃO DA Age!
Acesse nosso Portfólio atualizado: Link


Para analistas, é preciso pesar sempre o custo-benefício

Ações simples para economizar água e energia reduzem custos. Buscar formas de produzir mais com menos matéria-prima ajuda o ambiente, porém esbarra em inovação tecnológica, algo que custa caro. Por isso, a importância de pesar o custo-benefício e nunca dar um passo maior do que a perna.

– Ser sustentável é uma construção gradativa. Você implementa uma agenda conforme sua capacidade de investimento – afirma Favero.

Mais do que dar lucro, empreender com sustentabilidade é um caminho sem volta. Como adianta Favero, exigências como selos ISO e metas de redução de emissões serão pré-requisitos para qualquer negócio em um futuro não muito distante. É aderir ou falir.

GUILHERME MAZUI - 23 de abril de 2012 | N° 17048 - Zero Hora - guilherme.mazui@zerohora.com.br

CONHEÇA AS SOLUÇÕES EM COMUNICAÇÃO DA Age!
Acesse nosso Portfólio atualizado: Link


Quer receber mais notícias no seu Email?
Os campos marcados com * são de preenchimento obrigatório!
Nome Completo * ex.: Márcio Silva
E-mail * ex.: email@seuprovedor.com.br
Telefone ex.: xx - xxxx . xxxx
Celular ex.: xx - xxxx . xxxx
Data de Nascimento * ex.: dd/mm/yyyy


rodape mailagefluidez mailatendimento